Qui, 01 de dezembro de 2016, 17:35

LIVRO DIGITAL: Uma leitura de histórias de vida de mulheres docentes da Universidade Federal de Sergipe e da Universidade do Porto
Suzana Mary de Andrade Nunes

Este estudo versa sobre o trabalho docente no contexto da Universidade Federal de Sergipe e na Universidade do Porto, estrato mais elitizado, que personifica avanços recentemente alcançados nas relações de gênero mais igualitárias, mas também expressa conflitos e contradições intrínsecas a qualquer processo de mudança social em uma Instituição Federal de Educação Superior. Os estudos de gênero priorizam metodologias qualitativas a partir dos propósitos da pesquisa. A opção metodológica adotada não prescinde para sua operacionalização da análise conjuntural. Optou-se por uma gama de ferramentas específicas integrando-se os aspectos macro/micro, subjetivos e objetivos, intra e inter-individual, o intra e o inter-grupal, o intra e o inter-cultural, visando restabelecer a identidade entre sociedade, universidade e o trabalho docente, para interpretar mecanismos de discriminação, estereótipos construídos nos processos de educação/socialização que interatuam potenciando os de gênero. A análise de dados seguiu um curso indutivo, para a reconstituição das experiências subjetivas das docentes, concebidas coletivamente nas interações sociais no cotidiano da instituição de ensino superior pública. A problemática de gênero emerge, seja na divisão do trabalho, na construção de projetos/carreiras, nas contradições, barreiras e conquistas presentes neste percurso histórico. A elevada carga de trabalho impacta na vida familiar, no trabalho produtivo e reprodutivo com desvantagens para as mulheres. Observa-se a divisão sexual por meio da organização do orçamento familiar, da administração doméstica e da educação dos filhos. Para os homens, a família nunca atrapalhou, enquanto a docente/mãe/esposa, por vezes, sacrifica-se em prol da família e da carreira do marido. As diferenças, distinções e desigualdades são construções sociais presentes não somente entre os nichos de exercício profissional, mas também dentro deles no cotidiano de trabalho reprodutivo e produtivo.

São Cristóvão: Editora UFS, 2015. 352 p.

ISBN 978-85-7822-496-7


Livro disponível para download
Livro disponível para download
Atualizado em: Qui, 01 de dezembro de 2016, 18:31
Notícias UFS
Avaliação
UFS é destaque no Enade 2016
Enfermagem e Nutrição (ambos de Lagarto) e Fisioterapia (Aracaju) obtiveram nota máxima; veja nota de outros cursos